13 de outubro de 2015

Mas ainda tendes dúvidas?

Quem é que é a alminha que ainda acredita que o António Costa irá deixar passar a única oportunidade da vida de ser Primeiro Ministro já, porque irá ter em conta (coisa que os anteriores não tiveram e por isso foi o que foi) que quem 'ganhou' as eleições foi o PSD e que TUDO deverá ser feito em nome da estabilidade e da honestidade política?
Ainda há gente muito ingénua neste país, caramba.
Então um homem que tem as pernas todas abertas à esquerda para formar governo de maioria,  iria alguma vez, senhores! ficar-se por aquela noção peregrina de que o que interessa é efetivamente a escolha do povo nas urnas?
Então não se vê logo que aqueles olhos alegres do homem demonstram já o que desde o dia 4 está à vista de todos??
Ai não, cruzes canhoto, claro que não vou ser Primeiro-Ministro. Por quem sóis! Então o PSD ficou à frente do PS e isso é o único e inequívoco sinal que devo seguir em nome de mais 4 anos desta merda, nestes termos, e com estes personagens sinistros, que passei meses e meses a contrariar e a contradizer, sempre, por que fui obrigado a isso. 

DJIZUS! 

22 comentários:

  1. Hmm..permite-me discordar :) Não acredito minimamente que vá haver um governo PS. Isto para mim é uma estratégia. O Costa fez a fita de que "com a Esquerda tudod bem" para sacar mais alguma coisa aos outros dois e ficar em melhor posição. Além do mais ficava-lhe muito mal não falar com o PCP e o BE e para se antecipar a futuras acusações anda neste bailinho. Há interesses superiores a esse do Costa querer ser primeiro-ministro. Beeem maiores!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu acho que ele vai direitinho ao osso...
      A ver como fica. Falta pouco para sabermos.

      Eliminar
    2. Espero bem que sim que já mete nojo :D

      Eliminar
  2. E alguma alminha ingénua acredita nas agora proclamadas cedências da "esquerda"? Alguém acredita que aquilo não são mais do que promessas (iguais às promessas eleitorais) para chegarem ao Poder? Alguém ainda tinha dúvidas de que a única coisa que a Esquerda quer (tal como os outros) é chegar ao Poder? Alguém ainda acredita que eles estão a pensar no País e não neles próprios?

    Uva, a Uva que, salvo erro, já a vi aqui a fazer a defesa da Esquerda, chegue-se à frente e responda-me!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Uva faz e fará sempre a defesa do ESTADO SOCIAL, do ESTADO PROVIDÊNCIA, da devolução dos dinheiros ROUBADOS aos pensionistas, da redução do pessoal nas ESCOLAS, nos EXAMES aos professores, na roubalheira para SALVAR BANCOS, na vergonhosa esterqueira que são hoje os nossos HOSPITAIS.

      Desculpe que lhe diga: nunca aqui me ouviu dizer que os políticos (quaisquer que sejam) não se movem pelo poder. São todos iguais.
      Mas também lhe digo, um DESgoverno que se coligou com uma alforreca como o Paulo Portas porque se autoproclamou como único defensor do povo contra o PEC IV e ao desbaratar do Socrates, mas que (e rio-me) logo dois dias depois chamou a TROIKA e desfez a vida de milhares de portugueses, para mim azedou. FORA!!!!!!
      Que já se faz tarde.

      Eliminar
    2. E ainda lhe digo mais e fica aqui ESCRITO: o António Costa (o tal que apunhalou o Seguro) tem deveres e direitos (como dizem que temos todos), mas ainda tem outra coisa que é muito superior aos direitos (que são muitos no caso dele), tem o PODER e ter isso tolda qualquer pessoa.
      Para mim ele vai coligar-se, mesmo que para chegar ao poder tenha de se coligar com o Próprio PSD/CDS!

      Não julgue que os defendo, somente precisamos de MUDAR! URGENTEMENTE!
      E há aí políticas amigas do povo que isto de sermos um país rico mas com um povo na miséria é bonito mas é nos filmes.

      Eliminar
    3. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

      Eliminar
    4. Uva, Uva, Uva....Viiiva!!!

      Isto é falar: "A Uva faz e fará sempre a defesa do ESTADO SOCIAL, do ESTADO PROVIDÊNCIA, da devolução dos dinheiros ROUBADOS aos pensionistas, da redução do pessoal nas ESCOLAS, nos EXAMES aos professores, na roubalheira para SALVAR BANCOS, na vergonhosa esterqueira que são hoje os nossos HOSPITAIS."

      Grita, grita bem alto, em defesa do verdadeiro ESTADO, ou seja em defesa de todos nós.

      Obrigada

      Sónia

      Eliminar
    5. Eu de forma identificada digo que discordo da Uva Passa, quem deve formar governo é o que teve maior percentagem, neste caso a abstenção, eu quero um não governo.

      Beijos identificados :D

      Eliminar
    6. Casaert: Acho que a tua opinião é muito válida, mas tendo em conta que governar sem maioria é complicado, e se há um governo pronto para o fazer coligado, why not?
      Preferem andar sem decidir nada durante 4 anos? É que tenho a perfeita nocão de que PSD/CDS não botam mais faladura porque os outros são mais e cortam-lhes as perninhas.
      Seria infernal. Melhor que se entregue ao PSD coligado do que voltar a ter PSD/CDS.
      Mas compreendo totalmente o que querem dizer com venceu governa.

      Eliminar
    7. Uva Passa: O problema só existe porque o nosso grande Presidente mandou o PSD/PP constituir governo sem ouvir os partidos com acento parlamentar, e como quem não se sente não é filho de boa gente,piupiupiu pardais ao ninho.
      E depois há os ses, se o PS apoiar, achas que não querem ter um ministro como nº2, onde encaixa o portas?
      - se o PS apoiar, achas que os restantes de esquerda não vão ficar fortalecidos com o discurso de só eles é que têm palavra?
      há muitos ses, e no meu entender quem devia ter resolvido logo tudo era o Presindente.

      Eliminar
    8. Este Cavaco, quando é que ele fez isso? E eu a pensar que só tinha pedido ao líder da coligação que venceu as eleições que garantisse condições para poder governar com estabilidade e afinal já temos governo e primeiro ministro! Bolas só eu é que não sei!

      Eliminar
  3. Isto é tudo, ou quase, uma questão de táctica. A esquerda (PCP e BE) percebeu, finalmente, que se queria ter uma palavra a dizer em termos de governação, teria que fazer o que fez. Abrir uma janela ao PS e ficar atenta.
    O PS percebeu que apesar de não ter sido o mais votado, é o fiel da balança e quase nada se pode fazer sem a sua mãozinha. Vai daí, abre outra janela à esquerda e um postigo à direita.
    A direita, quase em pânico, reage prometendo, prometendo mas devagarinho. Apalpam terreno ao PS a ver se derrapa na primeira curva para o atirar borda fora sem contemplações, com a certeza de que um ano após vai a votos e garante maioria absoluta.
    O PS está entalado mas não muito. Com argúcia vai lá e com sorte ganha as eleições em 2019. De caras.
    A menos que o seu pior inimigo, colocado estrategicamente dentro do aparelho socialista, se antecipe e, numa convenção sempre por perto, puxe o tapete a Costa. Não vai ser fácil mas é uma tentação.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Das Melhores Análises ao actual momento político!!

      Eliminar
  4. Pá, podia colocar aqui o meu ultimo post como comentário, mas se calhar é melhor passares por lá, se estiveres para aí virada...

    :)

    ResponderEliminar
  5. Honestamente? Desde q tirem de lá o passos e o portas, já estou por tudo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Honestamente, o Passos não tem com quem mais se coligar para ter um Governo estável e com maioria e o Costa tem.
      E isso dói. E chamam-lhe atropelamento da democracia.

      Eliminar