3 de março de 2015

Cenas da vida doméstica

02:40 da matina.
O bairro encontra-se mergulhado num sono profundo.
Tudo dorme o sono dos justos. 
Ninguém na estrada, ninguém à janela, as TV´s apagadas, os casais aninhados....
- Pai? Ó pai? (um murmúrio lá longe, muito longe adivinhava que algo...)
- Que foi isto??? (pergunto eu estremunhada apoiando-me nos cotovelos, com os cabelos todos nos olhos.)
- Acende a luz, é a miúda!
A luz acende-se, e um vulto toma forma ao lado da cama. É a miúda com uma cara de poucos amigos.
- Que foi filha, foi um sonho?
- Estou mal disposta, apetece-me vomitar...
Duas molas gigantes emergiram subitamente do colchão, e o casal antes aninhado, dormindo o sono dos justos, num bairro mergulhado no sono profundo, salta da cama lançando os doces e quentes lençóis espalhados por ali.
Nesse mesmo instante, uma golfada de líquido amarelo e fedorento, contendo uma queijada de aspeto duvidoso e quiçá uma ou outra nabiça, faz um voo rasante à cama e estatela-se mesmo em cheio no tapete persa das índias, comprado no Gato Preto (eu disse-te que dava azar!), no cortinado ali ao lado e nas mobílias que convivem no mesmo espaço.
- Ó filha, mas porque é que não foste logo a correr para a casa de banho?

Porque os vomitados, os bolsados, e tudo o que é secreções mal cheirosas dos filhos, gostam mesmo é de cair em cima dos pais, especialmente no quarto dos pais, em cima da cama dos pais, a horas pornográficas.
É assim desde a antiguidade, e não era agora que isso ia mudar.
Isso e andar com umas olheiras até ao chão nos dias em que temos cá gente importante...

17 comentários:

  1. Ówww...sei muuuuito bem do que falas...licenciatura, mestrado, doutoramento...escolhe...eu tenho. Paciência, vais precisar de muita...e as melhoras da menina (até hoje nunca consegui explicar a teoria da pontaria!!!!)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A miúda tá como nova... no quarto dela não se passou nada....

      Eliminar
  2. Eu que tenho um nariz (e um estomago) de cinderela, obrigava o ex rei a tomar conta da ocorrência (que é como quem diz, da limpeza), sob pena, de me acontecer o mesmo a mim. Felizmente, desde que o ex-rei deixou lá o nosso reino, nunca mais tive uma dessas... é melhor não falar muito, não venha aí a virose desenfreada castigar-me...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ai a menina enjoa??? Hã hã.
      Lá em casa dividimos as tarefas.
      Eu fiquei de volta do tapete cheio de queijada azeda, e tirei o restante ranho da criança, ele limpou o mobiliário circundante...

      Eliminar
  3. Se o pai for como eu
    nem por nada ele deu

    A uma hora dessas
    meu sono é como o das pedras

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ai sim?
      Acordava-te em três tempos!
      Ficavas logo em sentido!

      Eliminar
  4. Respostas
    1. Ui,ui.
      O tapete vai ficar na varanda até os bichinhos o comerem...
      Hahahahahaha

      Eliminar
  5. Se eu juntasse todos os bolsados e vomitados da minha casa, afogava-me numa coisa azeda.
    Hectolitros!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que nojo pah! Raça da miúda!
      ;)

      (tadinha... fiquei cheia de pena)

      Eliminar
    2. Ouve, um dia conto-te, com pormenores sórdidos, desde farripos de sabe-se-lá-o-que-genitais-é-isto, a sólidos coloridos das mais variadas tonalidades, a líquidos cor de beringela, garanto-te que limpei tudo de todos os materiais. Sem execpção.
      Uma vez, uma bolsou-me o cabelo todo, acabado de lavar, no cabeleireiro. Ficou branquinho, como os das tuas imagens do leite :)

      (já está boazinha?)

      Eliminar
  6. Ui tão bom! Bolsados, vomitados e cagados? sou mestra, felizmente já foi há tanto anos que o cheiro já saiu.
    Agora é mesmo é vomitados de bebedeira que por enquanto têm conseguido chegar a tempo à sanita, para mim só sobram os salpicos. Blhac.
    As melhoras da miúda e nas olheiras... olha dizem que rodelas de pepino fazem muito bem :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também vomitei imenso quando era adolescente... mãe sofre...

      Eliminar
  7. :DDDDDD
    É mesmo assim, tal e qual. "Onde está um lençol lavadinho ou uma camisa branca para podermos vomitar à vontade?"

    ResponderEliminar
  8. Porque é que eles não vão logo à casa-de-banho e depois vêm ter connosco?!?! Porquê?!?!?! Já têm idadezinha, por favpr. Os meus de 10 anos é igual. Primeiro, vomita-se pai / madrasta e a casa. Depois pergunta-se.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Porque no quarto dos pais é mais fofinho...

      Eliminar